Antes do sol se por

 

Em Ef 4.26 lemos: “Irai-vos e não pequeis; não se ponha o sol sobre a vossa ira”. Este verso é uma citação do Sl 4.4 que diz: “Irai-vos e não pequeis; consultai no travesseiro o coração e sossegai”. O princípio bíblico aqui ensinado é o de que não devemos deixar de resolver um problema e nem mesmo postergá-lo ainda que seja para o dia seguinte.

Existem situações das quais não temos controle algum e por isso não podemos resolvê-las imediatamente. Mas, o primeiro passo para resolvê-las pode ser dado imediatamente, a saber: avaliar nossos sentimentos, palavras e ações. A isto a Bíblia chama de “consultar o coração”. Uma vez que consultamos nosso coração e encontramos pecado em nossos pensamentos, palavras e ações devemos pedir perdão a Deus. E para isso não precisamos esperar até o dia seguinte.

O primeiro passo na solução de problemas é admitir a própria culpa diante de uma situação de conflito. “Quando um não quer dois não brigam”, não é mesmo? Assim sendo, quando há um conflito temos uma parcela de culpa sim, tanto provocando a intriga como revidando à intriga.

A ira a qual a Bíblia nos permite ter é uma expressão de justiça em relação à Glória de Deus, ou seja, quando nos deparamos com o pecado tanto em nós como nos outros, devemos mostrar zelo pela Glória de Deus e assim combatermos o pecado. Essa ira não é uma expressão de fúria ou de raiva, mas, sim, de inquietação diante do pecado. Se a nossa ira for expressão de justiça própria, vingança ou algo parecido, então ela se tornou um pecado e estamos dando lugar para o diabo agir em nosso coração e promover ainda mais desgraça (Ef 4.27).

O segundo passo a ser dado na resolução de problemas é pedirmos perdão para aqueles com quem tivemos o conflito. Às vezes temos de esperar até o dia seguinte (ou até mais), contudo, devemos ter a firme resolução em nosso coração de procurarmos a pessoa o quanto antes. Muitos alegam que é bom as coisas “esfriarem” para serem resolvidas. Contudo, não é o que as pessoas acham, ou o que dizem os “especialistas”, mas, sim o que a Bíblia manda é o que devemos fazer, e ela nos manda“consultar o coração antes de dormir”, “não deixarmos o sol se por sobre a situação”, ou seja, resolvermos o quanto antes.

Uma figura que expressa bem esse ensino é o de uma pessoa que teve uma parada cardíaca. Quando é que devemos usar um desfibrilador ou outras técnicas de ressuscitação? O quanto antes, não é mesmo!? Se dissermos: “Esperemos até amanhã para empregarmos algum método de ressuscitação no fulano”, com toda certeza no dia seguinte estaremos sepultando-o, pois, o socorro veio tarde demais.

Não espere seu casamento acabar, ou aquela amizade que ficou arranhada morrer, só porque o seu orgulho o está impedindo de buscar e dar o perdão. O dia seguinte pode ser tarde demais e aí nada mais poderá ser feito.

Antes do sol se pôr, ou seja, antes de você se afastar da outra pessoa, ainda que seja só por uma noite e no dia seguinte você a encontrará, resolva o quanto antes. Que você use a Graça de Cristo que está à sua disposição para isso.

About Olivar Alves Pereira

Pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil, Teólogo, Mestre em Ciências da Religião pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, professor de Teologia Sistemática, Teologia Contemporânea, Ética e História Bíblica, História e Teologia da Igreja, Educação Cristã e Teologia Sistemática, Sociologia e Ensino Religioso em seminários e escolas na região do Vale do Paraíba, também escreveu lições para a revista de EBD para os adultos da Editora Cristã Evangélica. É associado à Associação Brasileira de Conselheiros Bíblicos - ABCB. Na Política sou de Direita Conservadora.
This entry was posted in Aconselhamento Bíblico. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.