Aproveitando ao Máximo Uma Pregação

A Confissão de Fé de Westminster, no Cap. XXI – Do Culto Religioso e do Domingo, no §V, falando sobre os elementos do Culto, diz:
“A leitura das Escrituras, com santo temor (At 15.21; At 17.11; Ap 1.3), a sã pregação (1Tm 4.2) da Palavra e a consciente atenção a ela em obediência a Deus, com entendimento, fé e reverência (Tg 1.22; At 10.33; Hb 4.2; Mt 13.19; Is 66.2) ); o cântico dos salmos, com gratidão (Cl 3.16; Ef 5.19; Tg 5.13) no coração; bem como a devida administração e digna recepção dos sacramentos instituídos por Cristo – são partes do culto comum oferecido a Deus (Mt 28.19; At 2.42; 1Co 11.23-29), além dos juramentos religiosos (Dt 6.13), votos (Sl 116.14; Is 19.21; Ne 10.29), jejuns solenes (Jl 2.12; Mt 9.15;1Co 7.5; Ef 4.16) e ações de graça em ocasiões especiais (Sl 107), os quais, em seus vários tempos e ocasiões próprias, devem ser usados de um modo santo e religioso (Jo 4.24; Hb 10.22)”. Observe a parte grifada. Ela diz respeito à forma como devemos receber a Palavra ministrada na pregação.

Quero aqui deixar algumas orientações sobre como aproveitar ao máximo o ensino da Palavra de Deus dado numa pregação. Três momentos devem ser considerados: o preparo para o culto, o momento do culto propriamente dito, e o pós culto.

O Preparo para o culto.
(1) Este não começa minutos antes do culto quando ouvimos os músicos executando o prelúdio. Antes, ele começa, no domingo, logo após o término do culto. Igrejas como a nossa, que têm pregação expositiva e sequencial (livros bíblicos inteiros são pregados), oferecem grande auxílio nesse sentido, pois, os crentes podem começar a estudar o capítulo seguinte já no domingo após o culto, e nele meditar durante a semana. Você não precisa ter livros e comentários bíblicos (embora tê-los seria um bom investimento) para estudar a Bíblia. Em vez disso, você pode encontrar na Internet ou na loja de aplicativos do seu celular, várias versões da Bíblia gratuitamente, e assim ler o mesmo texto em várias versões a fim de obter um conhecimento mais amplo do texto. Enquanto estiver lendo o texto bíblico, esteja em oração pedindo a Deus que lhe dê sabedoria, entendimento, fé e disposição para obedecer àquilo que você já estiver compreendendo do texto. As dúvidas que surgirem, devem ser anotadas par que durante a pregação sejam respondidas, e, caso não forem, pergunte ao pastor depois – ele tem o dever de lhe responder e ensinar.
(2) Chegue para o culto com antecedência. Alguém disse que se você chegar 10 minutos antes, estará em cima da hora, se chegar, na hora, chegou atrasado. Porém, mesmo se você perder a hora, não deixe de vir, pois, cultuar a Deus é um dever do qual não podemos nos evadir.
(3) esteja em espírito de oração; fale com Deus pedindo que ele fale com você durante a mensagem.

Durante o culto.
(1) Desligue seu celular – a menos que você o utilize para ler a Bíblia (não é pecado usar um formato digital);
(2) não saia do culto sem ter necessidade. Beba água e vá ao toalete antes do culto. Sair do culto sem necessidade além de revelar seu desprezo pelo culto e pela Palavra, ainda atrapalha quem quer aprender e cultuar a Deus;
(3) adquira o hábito de fazer anotações. Destaque:
(a) o texto e o tema da mensagem,
(b) os pontos centrais,
(c) o que você aprendeu sobre o caráter de Deus,
(d) o que precisa ser mudado em sua vida de acordo com o que você ouviu,
(e) e faça um plano para efetuar essas mudanças em sua vida.
(4) esteja em espírito de oração sempre pedindo ao Espírito Santo que o ajude a entender o que o pregador está dizendo, e que ajude também o pregador a ser claro e objetivo.

Após o culto.
(1) revise durante a semana as anotações que você fez da mensagem; não espere até segunda-feira, faça-o no domingo mesmo – as verdadeiras mudanças sempre começam hoje.
(2) estude o próximo texto que será exposto; nessas horas, pertencer a uma Igreja em que a pregação expositiva e sequencial é praticada, ajudará muito, mas, caso em sua igreja isso não acontecer, pergunte ao pastor qual será o próximo texto que ele pregará, e assim que ele lhe disser, ponha-se a estuda-lo.
(3) ore a Deus agradecendo-O por ter lhe dado a Sua Palavra, uma igreja bíblica e um pastor bíblico. Também peça para Ele ajudá-lo a pôr em prática tudo o que você aprendeu.

A Bíblia diz para não sermos meros ouvintes, mas, operosos praticantes (Tg 1.22). Mas, a prática correta só será possível quando houver aprendizado, e para isso, precisamos de ouvidos atentos!

About Olivar Alves Pereira

Pastor da Igreja Presbiteriana da Vila Pinheiro, Jacareí - SP, Bacharel em Teologia e Mestre em Ciências da Religião pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, professor e membro do Conselho Acadêmico do Centro de Estudos Teológicos do Vale do Paraíba (CETEVAP), São José dos Campos -SP, onde iniciou em 2020 seu Mestrado em Aconselhamento Bíblico. É associado à Associação Brasileira de Conselheiros Bíblicos - ABCB. Na Política sou Conservador. Casado com Janaina F. S. A. Pereira e pai de Ana Cristina S. Pereira.
This entry was posted in Aconselhamento Bíblico, Reflexão Bíblica and tagged , , , , . Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.