Conselhos para quem está tentando entender aqueles textos bíblicos difíceis.

“Habite ricamente em vós a palavra de Cristo” (Colossenses 3.16)

Tenho o privilégio de desde meu nascimento receber a instrução bíblica. Aos vinte anos fui para o Instituto Bíblico Eduardo Lane me preparar para o Ministério da Pregação do Evangelho, fiz meu Bacharel em Teologia e depois o Mestrado, estando assim há 21 anos nesse ofício sagrado de pregar o Evangelho. E apesar de toda essa experiência, a cada vez que leio a Bíblia sempre sou desafiado com essa difícil tarefa de interpretar a Bíblia corretamente. Com oração, temor a Deus, e muita dedicação em extrair do texto sagrado o que realmente ele está dizendo. é assim o meu dia a dia como pastor e pregador do Evangelho.

Sempre sou questionado pelas pessoas sobre um ou outro texto que elas julgam de difícil interpretação. E eu me pergunto: “Por que elas acham que eu sei a resposta?”. Talvez por tudo o que recebi de Deus como os recursos que mencionei. Dessa forma, não posso me esquivar dessa responsabilidade e tenho de buscar a resposta aos questionamentos das pessoas.

Certa vez ouvi um grande teólogo e interprete das Escrituras Sagradas afirmar que o que mais o preocupava não eram os textos bíblicos que ele não entendia, mas, sim, os que ele entendia e sabia que não estava vivendo de acordo com eles. Outro dizer (que já ouvi da boca de tantos estudiosos e por isso mesmo não posso precisar quem foi que disse) é: tudo o que está revelado na Bíblia é verdadeiro, mas, nem tudo é compreensível, ou na Bíblia existem várias verdades explicitamente reveladas, mas que, não estão ao alcance do nosso entendimento, tais como: a Trindade Santa, o amor de Deus para conosco (por que Ele decidiu amar pecadores tão miseráveis como nós?), etc.

Não pretendo responder a essa pergunta que outros muito mais capacitados que eu não conseguiram. Porém, quero mostrar-lhe como eu me consolo diante dessa questão (toda revelação bíblica é verdadeira, mas, nem todas as suas partes são compreensíveis).

Muito se tem falado sobre “batalha espiritual”, mas, muito do que é dito está fora do que a Bíblia apresenta sobre o assunto. A Bíblia nos mostra que o “campo” em que essa batalha é travada contra as forças espirituais do mal é a nossa mente.Se a nossa mente não estiver ocupada com a Palavra de Deus será um alvo fácil para as tentações. Satanás incutirá suas mentiras com o objetivo de levar-nos a duvidar do amor de Deus por nós e de questioná-Lo sobre os Seus propósitos para nossa vida nas mais variadas circunstâncias. Se ele (Satanás) conseguir isso, então ele venceu a batalha. Assim, sendo, o árduo estudo da Palavra de Deus, especialmente daqueles textos que julgamos de “difícil compreensão” (os quais talvez nunca compreenderemos) é um aliado celeste que Deus nos concedeu para que ocupemos a nossa mente com o que há de mais sublime, mais, belo, mais doce, mais excelente , a saber, a Palavra de Deus. Uma mente que medita na Lei do SENHOR, dia a noite (Salmo 1.2), não somente evitará o pecado e vencerá os ataques do diabo, mas, também provará das maiores delícias que alguém pode provar.

Por fim, deixo aqui alguns conselhos para você:

1) Medite, e se possível (e é) decore o Salmo 119. Por ser o maior Salmo, muitas pessoas simplesmente o ignoram, julgando-o cansativo. Mas, essa é uma das mentiras que Satanás mais conta. Neste Salmo você encontra o salmista glorificando a Deus pela excelência da Lei (a Palavra de Deus). Em cada um dos 176 versículos deste Salmo, você encontrará algo sobre a Lei de Deus, para a qual o salmista usa vários sinônimos: estatutos, prescrições, caminhos, mandamentos, preceitos, juízos, decretos, palavras, etc. Note que em todos os versos ele diz algo sobre a Lei de Deus, exaltando-a em sua perfeição: “Tenho visto que toda a perfeição tem seu limite; mas o teu mandamento é ilimitado” (v.96).

2) Faça um bom curso de Teologia. Instituições sérias como o Ministério Fiel (www.ministeriofiel.com.br) fornecem material de altíssima qualidade teológica, sendo que vários desses recursos são inteiramente gratuitos. Procure com seu pastor se informar de outras instituições e seminários sérios, comprometidos com a Palavra de Deus. Aqui na região do Vale do Paraíba contamos com os seminários Martin Bucer (http://www.martinbucer.com), o Centro de Estudos Teológicos do Vale do Paraíba – CETEVAP (www.cetevap.org.br), ambos em São José dos Campos, e em Caçapava (www.uebra.com.br).

3) Ore pelo seu pastor e peça a ele que se aprofunde cada vez mais na exposição da Bíblia. Com muito amor e respeito peça ao seu pastor que não tenha medo de aprofundar nos estudos bíblicos e sermões. Incentive-o a adotar a Pregação Expositiva e sequencial da Bíblia (para saber mais sobre esse método visite o site do Ministério Fiel indicado acima) e o Aconselhamento Bíblico (para saber mais sobre o assunto visite www.abcb.org.br). Pastores que adotaram a Pregação Expositiva em seus púlpitos e o Aconselhamento Bíblico em seus gabinetes estão provando de um verdadeiro amadurecimento tanto em sua vida quanto na vida de suas igrejas.

4) Empreste seus olhos e ouvidos para o que glorifica a Deus. Em Filipenses 4.8 lemos: “Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o você pensamento”. O tipo de programa de TV que você assiste, o tipo de rádio que ouve e de livros que você lê com certeza influenciarão e moldarão o seu caráter. Uma boa rádio que você pode acessar pela Internet é a BBN Rádio (www.bbnradio.org). Um bom programa de TV é o “Verdade e Vida” transmitido em cadeia nacional pela Band todos os domingos às 11h45. e de todos os livros que você deve ler, no topo está a Bíblia.

E quando você se deparar com um texto bíblico difícil medite nele mesmo que você não consiga compreendê-lo. é bem provável que o que Deus mais quererá ensiná-lo com esse texto é manter a sua mente naquilo é puro, a saber a Sua Palavra.

Que Deus abençoe muito a sua vida.

About Olivar Alves Pereira

Pastor da Igreja Presbiteriana da Vila Pinheiro, Jacareí - SP, Bacharel em Teologia e Mestre em Ciências da Religião pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, professor e membro do Conselho Acadêmico do Centro de Estudos Teológicos do Vale do Paraíba (CETEVAP), São José dos Campos -SP, onde iniciou em 2020 seu Mestrado em Aconselhamento Bíblico. É associado à Associação Brasileira de Conselheiros Bíblicos - ABCB. Na Política sou Conservador. Casado com Janaina F. S. A. Pereira e pai de Ana Cristina S. Pereira.
This entry was posted in Aconselhamento Bíblico, Reflexão Bíblica. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.