Deus não mergulha no fundo do mar

Antes que você pense que eu estou negando a onipresença (1) de Deus, eu me explico. No livro de Miquéias 7.19 lemos: “Tornará a ter compaixão de nós; pisará aos pés as nossas iniquidades e lançará todos os nossos pecados nas profundezas do mar”. O que este versículo está nos ensinando é que uma vez que Deus nos perdoa, Ele lança nossos pecados para longe, numa linguagem figurada aqui, as “profundezas do mar”.

É muito comum vermos expedições caça-tesouros investindo muito dinheiro e tempo à procura de tesouros perdidos no fundo mar. Quando tesouros são encontrados, todo o investimento feito é compensado. Contudo, até hoje não vi nenhuma dessas expedições se mobilizarem para procurarem lixo no fundo dos mares. Com certeza, tal empreendimento seria ridicularizado por todos.

Ao lançar nossos pecados para longe de Si (nas profundezas do mar), é o “lixo da nossa alma” que Ele está jogando fora. Como filhos de Deus devemos agir da mesma forma com relação aos nossos pecados e aos pecados do outros.

Muitas pessoas estão sofrendo porque mesmo tendo confessado a Deus seus pecados, ainda ficam remoendo-os em seus corações. Querem “se sentir perdoados” quando na verdade o que deveriam fazer é crer na Palavra de Deus que diz: “Se confessarmos os nossos pecados, eles é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça” (1João 1.9).

No que diz respeito ao mal que os outros nos fizeram, também devemos lançar tais pecados “nas profundezas do mar” e de lá jamais retirá-los. Não vale a pena mergulharmos tão fundo para revirar lixo! Assim como você tem experimentado o perdão de Deus em sua vida, exercite o perdão com relação aos que lhe ofenderam. Se for para mergulharmos tão fundo, que seja para buscarmos tesouros e não lixo.

_______________________________

(1) Doutrina bíblica que diz que Deus está presente em todos os lugares ao mesmo tempo com toda a plenitude do Seu Ser.

About Olivar Alves Pereira

Pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil, Teólogo, Mestre em Ciências da Religião pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, professor de Teologia Sistemática, Teologia Contemporânea, Ética e História Bíblica, História e Teologia da Igreja, Educação Cristã e Teologia Sistemática, Sociologia e Ensino Religioso em seminários e escolas na região do Vale do Paraíba, também escreveu lições para a revista de EBD para os adultos da Editora Cristã Evangélica. É associado à Associação Brasileira de Conselheiros Bíblicos - ABCB. Na Política sou de Direita Conservadora.
This entry was posted in Reflexão Bíblica. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *