FORTALECENDO A FÉ COM OS MEIOS DE GRAÇA

 

Rev. Olivar Alves

Uma das realidades mais difíceis, que, como crentes em Cristo Jesus enfrentamos, é o dilema entre o ideal de Deus para nossa vida (uma vida triunfante e vitoriosa sobre o pecado) e as muitas vezes que caímos em pecado. Nosso coração é tomado por uma profunda tristeza, justamente por não estarmos vivendo como Deus quer que vivamos. O crente sempre terá esse dilema em seu coração; quem não o tem, deve avaliar urgentemente se de fato é um convertido.

A Teologia Reformada Puritana apresenta em seus postulados aquilo que chamamos de “Meios de Graça” (ou Meios da Graça). Apesar de não encontrarmos essa terminologia nas Escrituras (assim como outras doutrinas, p.ex.: Trindade), seu ensinamento é claro.

Quero responder a três questões aqui de forma sucinta: (1) o que são os “Meios de Graça”, (2) quais são eles, e (3) qual a importância deles.

Primeiramente, o que são os “Meios de Graça”? São instrumentos, canais pelos quais o Espírito Santo opera no coração do crente. Ele pode operar direta e imediatamente no coração da pessoa, como acontece na conversão e regeneração. Mas, Ele se vale também desses meios quando Lhe apraz.

Assim sendo, em segundo lugar vejamos quais são os Meios de Graça. A Igreja de Cristo através da comunhão com Ele e com os irmãos É na Igreja e através dela que os outros dois Meios de Graça são também ministrados, a saber, a Pregação da Palavra, e a ministração correta dos Sacramentos (Ceia do Senhor e Batismo).

Por fim, vejamos para que servem os Meios da Graça. O teólogo reformado, o holandês Louis Berkhof afirma: “A Igreja pode ser descrita como o grande meio de graça que Cristo, agindo mediante o Espírito Santo, usa para reunir os eleitos, edificar os santos e formar o Seu povo espiritual. Ele a qualifica para esta grande tarefa dotando-a de toda sorte de dons espirituais e instituindo os ofícios para a administração da Palavra e dos sacramentos, que são meios pelos quais leva os eleitos ao seu destino eterno”. Observe que o que mais importa nesta vida é o que não se limita a esta vida, a saber, a Glória Eterna. Estamos numa caminhada rumo ao céu, e assim como em toda caminhada estamos sujeitos ao cansaço, ao desânimo, aos tropeços, e quando isso acontece conosco precisamos da comunhão com Deus e com os irmãos (Igreja) para nos estimularmos ao amor e às boas obras (cf. Hb 10.24-25). Precisamos também da Palavra de Deus que nos purifica e santifica dos nossos pecados (Jo 17.17; 2Tm 3.16-17), e não podemos nos descuidar dos Sacramentos, pois, uma vez admitidos nos Corpo de Cristo pelo Batismo, necessitamos fortalecer a nossa fé por meio da Ceia do Senhor, na qual exercitamos nossa gratidão a Deus pelo sacrifício de Cristo e também nossa esperança em Sua promessa de voltar para nos buscar.

Fraqueza espiritual é consequência de negligência para com os Meios de Graça. Eles fortalecem a nossa fé, esperança e amor por Cristo. Caso você esteja enfraquecido espiritualmente, desanimado, ou envolvido com o pecado, é importante que você saiba que tudo isso é resultado da sua negligência para com os Meios de Graça que Deus lhe concede. Arrependa-se, peça perdão a Deus, deleite-se nos Meios de Graça e continue exultante em sua caminhada rumo ao céu de glória, o destino eterno dos eleitos de Deus.

About Olivar Alves Pereira

Pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil, Teólogo, Mestre em Ciências da Religião pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, professor de Teologia Sistemática, Teologia Contemporânea, Ética e História Bíblica, História e Teologia da Igreja, Educação Cristã e Teologia Sistemática, Sociologia e Ensino Religioso em seminários e escolas na região do Vale do Paraíba, também escreveu lições para a revista de EBD para os adultos da Editora Cristã Evangélica. É associado à Associação Brasileira de Conselheiros Bíblicos - ABCB. Na Política sou Conservador.
This entry was posted in Aconselhamento Bíblico, Confessionalidade Presbiteriana Puritana, Reflexão Bíblica. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.