PRINCÍPIOS DA VERDADEIRA ADORAÇÃO.

Sinceridade sem obediência é arrogância.

De acordo com os padrões modernos estabelecidos pelos “ministérios de louvor” pop-gospel-mundanizado:
1) Caim deu o melhor de si;
2) Abel foi um tradicional metido a santarrão;
3) Deus deveria ter aceito a oferta de Caim e recusado a de Abel.

Para uma cultura que se gaba de ser sincera, a negligência para com a vontade de Deus sobre a forma como Ele exige ser adorado parece não ser um pecado, mas, algo até louvável.

Não devemos adorar a Deus do jeito que queremos mesmo sob pretexto de sinceridade. Devemos adorá-Lo da forma como Ele prescreve em Sua Palavra, com contrição e arrependimento em relação aos nossos pecados, confiança e dependência total do sacrifício de Cristo como o único sacrifício que nos permite aproximarmos de Deus.

A sinceridade deve estar presente em nossa adoração, mas, também acompanhada da obediência. Caim adorou a Deus, mas, do jeito dele, e isso foi desprezível aos olhos de Deus. Não é a nossa sinceridade que nos garante diante de Deus, mas, sim, o sacrifício de Cristo. Se você não estiver embasado em Cristo, sua sinceridade é um insulto a Deus, ainda que você esteja dando o “melhor de si” para Ele. Quem foi que disse que é o “nosso melhor” que agrada a Deus? Antes, é o “melhor de Deus” para nós, Cristo Jesus, que nos torna aceitáveis em Sua santa presença.

Pense nisso quando estiver adorando a Deus.

Rev. Olivar Alves Pereira

About Olivar Alves Pereira

Pastor da Igreja Presbiteriana da Vila Pinheiro, Jacareí - SP, Bacharel em Teologia e Mestre em Ciências da Religião pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, professor e membro do Conselho Acadêmico do Centro de Estudos Teológicos do Vale do Paraíba (CETEVAP), São José dos Campos -SP, onde iniciou em 2020 seu Mestrado em Aconselhamento Bíblico. É associado à Associação Brasileira de Conselheiros Bíblicos - ABCB. Na Política sou Conservador. Casado com Janaina F. S. A. Pereira e pai de Ana Cristina S. Pereira.
This entry was posted in Reflexão Bíblica. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.