Sentir-se bem depende de fazer o que é certo

A história bíblica de Abel e Caim os primeiros filhos do casal Adão e Eva nos traz essa lição muito importante. Quando Caim foi reprovado por Deus juntamente com sua oferta, ele havia feito o que todos nós fazemos sempre: querer servir a Deus do nosso próprio jeito e não jeito que Deus determinou.
Em Gênesis 4.6,7 lemos: “Então, lhe disse o SENHOR: Por que andas irado, e por que descaiu o teu semblante? Se procederes bem, não é certo que serás aceito? Se, todavia, procederes mal, eis que o pecado jaz à porta; o seu desejo será contra ti, mas a ti cumpre dominá-lo”.
Note que o semblante de Caim era de ira. Seu coração estava com raiva e irado com seu irmão Abel que foi aceito por Deus e possivelmente, com o próprio Deus por ter recusado a sua oferta.
Você está aborrecido com alguma coisa? Está “na sua cara” o seu desgosto com algo? Bem, é aí que está o problema. Sentir-se bem não depende do que os outros fazem ou deixam de fazer em relação a você, mas, sim, do que você faz. Caim desobedeceu a Deus – fez algo errado. Ele foi rejeitado por Deus – ficou irado. E onde há ira pecaminosa não há nenhum sentimento bom.
Você fazer o que é certo também não depende dos outros, mas, só de você. Não espere que os outros façam algo bom para “facilitar” para você fazer o que é certo. O Senhor Jesus Cristo sofreu tamanha oposição dos pecadores enquanto entregava a Sua vida numa cruz para salvar a Sua Igreja (Hebreus 12.1-3).

Rev. Olivar Alves Pereira

About Olivar Alves Pereira

Pastor da Igreja Presbiteriana da Vila Pinheiro, Jacareí - SP, Bacharel em Teologia e Mestre em Ciências da Religião pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, professor e membro do Conselho Acadêmico do Centro de Estudos Teológicos do Vale do Paraíba (CETEVAP), São José dos Campos -SP, onde iniciou em 2020 seu Mestrado em Aconselhamento Bíblico. É associado à Associação Brasileira de Conselheiros Bíblicos - ABCB. Na Política sou Conservador. Casado com Janaina F. S. A. Pereira e pai de Ana Cristina S. Pereira.
This entry was posted in Aconselhamento Bíblico. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.